segunda-feira, 25 de fevereiro de 2008

Os carros mais feios do mundo

Vocês já se viram andando pela rua e, all of a sudden, seus olhos são feridos pelo surgimento de um monte de metal disforme sobre pneus percorrendo o asfalto? Isso me acontece diariamente. Todos os dias que eu tomo coragem de sair da segurança do meu lar e encarar as ruas, me deparo com toda sorte de lixo motorizado que as montadoras regurgitam sobre os consumidores sem noção de ridículo. Como hoje me deparei, infelizmente, uma vez mais com aquele que considero o maior desastre da história automobilística desde o taylorismo, senti-me inspirado a dividir com quaisquer interessados presentemente entediados a minha opinião sobre os piores carros que encontramos rodando pelas ruas.

Antes mesmo que eu comece, algum de vocês, ratos de internet como eu, pode saber de um texto semelhante publicado em um site já famoso e bem conceituado, e pode sentir-se compelido a mandar um e-mail com comentários a respeito. Então já me adianto e mando de antemão a minha resposta: Vá se foder.


1- Atos Prime, da Hyundai
Como eu sou um rapaz moderno, acho que é importante uma preliminar. Não vou sair metendo no fubão pra já deixar vocês ligadões, então vou começar com uma esquentadinha. A primeira vez que eu vi esse carro eu tive um acesso de risos, I shit you not. I mean, que bosta é essa? Isso é realmente um carro? Be serious! Pra começar que essa bosta tem pneus de carrinho-de-mão. I can't really stress o quão pequenos eles são, acho que são aro 10 ou 8, sei lá eu... para os leigos que entendem tanto de carros quanto de criação de cavalos, um carro costuma ter pneus aro 16~17. Aí me vem essa merda quase que totalmente quadrada com esses pneuzinhos de velocípede querendo se passar por um veículo de combustão interna. Ainda que fossem só os pneuzinhos, mas vocês já devem presumir que um carro com rodas como essas tem muito mais defeitos. Ele é estranho, compacto, com provavelmente a pior suspensão já vista na Terra (na boa, parece que é composta daquelas molas que a gente brincava de descer a escada quando era moleque) e é... é... puta, na boa, nem sei descrever o quão feia é essa droga. Só vendo mesmo pra entender. Equipe da Hyundai, meus parabéns por gastar um nome legal no que é provavelmente um dos piores carros já criados. Deixo aqui meus votos para que vocês se afoguem em sua própria incompetência.


2- Uno, da FIAT
Ah, quem me conhece sabe que eu não tenho limites pra falar mal da FIAT. E que carro marca o quão baixo a indústria automobilística pode chegar tão bem quanto aquele conhecido como o "Carro De Merda", Uno? Na boa agora, quantos de vocês já andaram num Uno? A grande maioria, eu presumo. Nada como sair com a turma num carro que não consegue nem subir a entrada da garagem com seu motorzinho potente como uma broca de dentista. Quando fui visitar Belo Horizonte, eu via uns poucos Unos passando pelas ruas e meus olhos se enchiam de lágrimas ao ver os pobres motoristas roncarem os motores e alavancarem o trânsito com suas latas velhas agonizando pela cidade que não possui descidas. Eu juro que nunca desci em BH, só subia intermináveis ladeiras. Sempre que começava a descer, eu tinha certeza que estava indo para o lugar errado, e geralmente tinha razão. But I digress... não só o Uno é fraco e pequeno, como faz juz à tradição da FIAT de ser um carro semi-descartável que exige troca de peças a cada quinze quarteirões, e não obstante, é o único carro popular que nunca passou por uma única mudança para melhor. Você vê diversos modelos se modernizando, tornando-se mais aerodinâmicos, esteticamente passáveis, e dando à seu motorista a dignidade de não se sentir dirigindo o carro mais barato do pedaço. Quando você está dentro das formas antiquadas e risíveis do Uno, você está na linha da classe média baixa, e a FIAT quer lembrá-lo disso.


3- Ka, da Ford
Que maneira melhor de começar a falar desse carro do que citando a piada mais manjada que existe: "Se KA fosse carro, teriam acabado de bolar o nome"? Sério, quem projetou essa bosta? O cara por acaso era fã de Kamen Rider Black e queria um carro que o lembrasse de um besouro? Esse carro me lembra um besouro ainda pelo fato de que seu designer deve comer bosta.
Com seu porta-malas grande o bastante para guardar um iPod, bancos traseiros que deixariam anões encolhendo as pernas e bancos dianteiros que impedem pessoas de mais de 1,80m de dirigir sem prender o volante com os joelhos, ele é o carro ideal para qualquer pessoa. Exceto, é claro, aquelas que compram um carro pela comodidade, conveniência e utilidade. Pra finalizar sobre sua estética, ele conta com as cores maravilhosas que só a Ford é capaz de criar para seus carros. Os carros da Ford tem as piores cores disponíveis no mercado, mas eu continuarei falando disso mais tarde.
Para completar, podemos sempre contar com o selo de qualidade Ford (fix or repair daily) debaixo do capô. Tá certo que não é uma facada no cu tão dolorosa quanto era o CHT, mas o Zetec-Rocam atinge seu próprio nível ofensivo. Obrigado Ford. Vocês começaram bem, mas depois do modelo T, it's been all downhill. Sugiro aposentadoria.


4- Classe A, da Mercedes-Benz
Eu lembro que eu ainda era moleque e entendia buceta sobre carros quando o Classe A foi anunciado, mas já sabia que a Mercedes fazia carrões irados de patrão. Sendo assim, esperava que o Classe A viesse pra tocar o puteiro e fazer os donos das outras montadoras enriquecer psiquiatras com seus ataques de desespero, ou coveiros com seus suicídios. Então finalmente é lançado o dito... e mesmo entendendo buceta sobre carro, como previamente afirmado, eu já sabia que a Mercedes tinha cagado no pau. Nas palavras do meu camarada Hikaru, "Classe A é carro de jardineiro de milionário". Um conhecido uma vez provocou pânico num restaurante, pois os manobristas não conseguiam encontrar seu "Mercedes" no estacionamento. Só depois que ele falou que era um Classe A que a equipe entendeu com um sonoro "Ah, é um Classe A, não um Mercedes" que a confusão foi solucionada. Mas seriously, você pode culpá-los? Eu não considero essa tranqueira um Mercedes. Tá certo que nem eu, no máximo de minha esculhambação, tenho o topete de falar mal da aparelhagem de um Mercedes-Benz, mas em termos de estética e design, esse carro é tão sedutor quanto uma cigana perneta. O Classe A é uma mancha na história da Mercedes-Benz talvez tão grande quanto a temporada do David Coultard na McLaren.


5- Fiesta velho cor-de-abacate, da Ford
Por que tão especificamente, você me pergunta? Eu lhe digo: já vi vários Fiestas velhos por aí, e enquanto que não seja exatamente um espetáculo de carro, não merece estar nessa minha listagem por si só. Além disso, eu já vi carros cor-de-abacate (nem lembro quais, mas provavelmente eram da Ford), e também não me inspiraram a ojeriza necessária para serem mencionados aqui. A combinação de Fiesta velho com pintura cor-de-abacate, no entanto, rompe a barreira da imaginação e atinge níveis de ridículo e mau-gosto somente vistos em programas humorísticos de sábado à noite.
Eu não consigo conceber a idéia de alguém vendo essa cor na tela do computador e pensando consigo mesmo: "Hum, taí uma cor bacana pro meu carro". Certamente deve ter sido algum erro no processamento da cor, e um adorável verde-metálico saiu da mesma cor do vômito que eu enviei ao vaso sanitário enquanto chorava copiosamente por testemunhar a existência desse carro abre-alas da festa do ridículo.
E só como um bônus especial, sendo um Ford velho, ele vem com um lindo motor CHT de bônus, especialmente para colaborar com a humilhação de seus filhos quando você for buscá-los na porta da escola.


6- Twingo, da Renault
Chegamos ao ponto derradeiro em que eu expresso todo o meu asco pelo veículo mais hediondo que já queimou minha retina. Os franceses inventaram coisas como o baixo, menage a tróis e crepes, mas não são exatamente bons fabricantes de carros. A Renault já tinha minha automática antipatia por ser uma montadora francesa, não precisava de muito mais do que o Clio para que eu falasse mal dela... mas parece que todo o meu escárnio simplesmente não é o bastante, e eles resolveram que precisavam trazer ao mundo algo mais repugnante do que a atuação do Clive Owen.
Ele é feio. O quão feio ele é, I can't really distress. É pequeno, achatado, quase quadrado (não tão quadrado quanto o Atos Prime, tem a curvatura dianteira necessaria para torná-lo muito mais feio) e sempre pode ser encontrado em cores odiosas. Twingo é um carro tão dantesco que até mesmo seus donos os tratam como argentinos: eu nunca vi um Twingo completamente livre de arranhões e/ou batidas, o que por vezes me lembra a pensar que o Twingo talvez seja produzido em algum ferro-velho especial a partir de chassis de Atos Primes e pedaços de carros esmagados sortidos. Dou para esse carro o Troféu Soquinho, e seus criadores são a principal razão pela qual eu considero a estupidez um crime inafiançável.

11 comentários:

dini disse...

genial, lonew xD
por isso eu falo ke sou feliz por ter um fusquinha *-*

carol disse...

aiushdoausihduiashdhsha perfeito vei....


triste o fato de eu ter um ka =/

hicmarus disse...

cara, q texto fantástico! os comentários sobre os carros citados eu já fiz pelo msn xDDDD

Anônimo disse...

desculpa, mas eu não li x.x
soh pra registrar a minha passagem mesmo xD

ps: sasami aqui =P

Z disse...

HDUIOAEHu
excelente xD

Yama disse...

Claro!
O CDM nao podia ficar d fora

Patty Li disse...

hauhauhauhauahuahua! meu, vc só errou em uma coisa: deveria colocar o CDM em primeiro na lista... Sem sombra de dúvidas, a praga chamada UNO é o carro mais feio, fraco e ridículo! E o pior é que, como o povo brasileiro é pobre, infesta as ruas com essas "coisinhas" ridículas que eles teimam em chamar de carro! Uno não deveria ter esse nome: deveria se chamar Muchos, Vários, Plague...
Pior é que tem gente que insiste no erro e, depois de ter um CDM, compraria outro! >_<

Ah, sobre o KA, eu discordo. Minúsculo sim, feio não! É bonitinho.... *_*

Laurinha disse...

"ele é o carro ideal para qualquer pessoa. Exceto, é claro, aquelas que compram um carro pela comodidade, conveniência e utilidade. "

devo confessar que vou rir disso por MUITO tempo

Genial! xD

Manoela disse...

Vc tpa lembrando que o Taka tinha um fiest cor de abacate, né?? jiasjdashduashduashduashd

Nickgirl

Gato Guga disse...

quanta bobagem escrita em um mesmo local. sobre o Atos Prime, foi mostrado falta de conhecimento sobre a coisa citada. A Hyundai é uma marca coreana lider mundial, inclusive nos Estados Unidos, com veículos de primeiríssima linha.
A questão específica do Atos Prime é a seguinte.
As rodas são aro 13, assim como os pneus, 165/70/R13, exatamente as mesmas do Corsa, Celta, Pálio, Gol etc. O carro é excelente, completo e confortável. Não há qualquer problema na suspensão, não usa molas e sim amortecedores como qualquer veículo. É um carro urbano, de porte pequeno, excepcional para a cidade. Muito econômico na estrada, onde chega a fazer 18 km/litro. O carro sai de fábrica com direção hidráulica, ar condicionado, vidros e travas elétricas, rodas de liga leve, inclusive no estepe, sonorização muito boa, 4 portas etc.
O design é arrojado mesmo para o ano de 2010, pois a Fiat copiou a sua traseira, aplicando-a no novíssimo Ideia. Se você tivesse a oportunidade de poder comprar um Atos Prime GLS, seu conceito mudaria totalmente. Ele ainda é um carro com ótimo mercado. Eu tenho um modelo 2000 que não vendo por menos de R$ 22 mil. Quer mais, financie um Atos Prime. Abraço

Gato Guga disse...

quanta bobagem escrita em um mesmo local. sobre o Atos Prime, foi mostrado falta de conhecimento sobre a coisa citada. A Hyundai é uma marca coreana lider mundial, inclusive nos Estados Unidos, com veículos de primeiríssima linha.
A questão específica do Atos Prime é a seguinte.
As rodas são aro 13, assim como os pneus, 165/70/R13, exatamente as mesmas do Corsa, Celta, Pálio, Gol etc. O carro é excelente, completo e confortável. Não há qualquer problema na suspensão, não usa molas e sim amortecedores como qualquer veículo. É um carro urbano, de porte pequeno, excepcional para a cidade. Muito econômico na estrada, onde chega a fazer 18 km/litro. O carro sai de fábrica com direção hidráulica, ar condicionado, vidros e travas elétricas, rodas de liga leve, inclusive no estepe, sonorização muito boa, 4 portas etc.
O design é arrojado mesmo para o ano de 2010, pois a Fiat copiou a sua traseira, aplicando-a no novíssimo Ideia. Se você tivesse a oportunidade de poder comprar um Atos Prime GLS, seu conceito mudaria totalmente. Ele ainda é um carro com ótimo mercado. Eu tenho um modelo 2000 que não vendo por menos de R$ 22 mil. Quer mais, financie um Atos Prime. Abraço